Carros inteligentes: quando a conectividade chega às ruas

Lembra dos filmes onde os carros voam, andam sozinho etc? Isso não está longe de acontecer. Conheça as novidades sobre carros inteligentes.

Carros inteligentes: quando a conectividade chega às ruas
O futuro automobilístico está nos carros inteligentes

já fez um test drive? veja como é fácilagende grátis

Imagine que um dia você entrará em um dos seus carros inteligentes e “dirá: Dirija para o escritório. Vamos no mercado. Agora vamos para casa” e o seu carro fará todo o trajeto, com total segurança, sem você por as mãos no volante ou pisar no freio. Parece coisa de filme, mas na verdade estamos perto disso.

Como são os carros inteligentes

Atualmente, o mais próximo disso que temos é o Google Chauffeur, um ousado projeto do colosso da tecnologia que está em fase de teste desde 2009. O programa consiste em uma frota de carros inteligentes equipados com sensores de alta tecnologia, como câmeras, infra vermelhos, sonares, radares e muita programação.



Os carros dirigem de forma autônoma, mas são supervisionados por humanos o tempo todo. Sempre há uma pessoa dentro do carro. Nesses anos de teste, os carros autônomos do Google já andaram mais de 1 milhão de quilômetros e sofreram 11 pequenos toques e apenas uma batida mais forte, mas ao contrário do que você pode estar pensando, nenhuma delas foi culpa do carro. Os culpados foram motoristas humanos de outros veículos.

Os números apresentados pelo Google despertaram a curiosidade e abriram portas para empresas de software, montadoras e entusiastas da tecnologia e automobilística. Prevendo o interesse em desenvolver projetos do tipo, o governo americano criou uma escala para classificar carros inteligentes.

  • Nível Zero: carros que precisam de motorista o tempo todo.
  • Nível Um: veículos que contam com alguma ajuda tecnológica. Freios ABS, controle de estabilidade e piloto automático adaptivo, por exemplo.
  • Nível Dois: automóveis capazes de se manter na faixa sozinho.
  • Nível Três: carros capazes de andar sozinhos. Porém, sempre supervisionados por pessoas. O Chauffeur está aqui.
  • Nível Quatro: veículos que funcionam totalmente independentes de ações ou supervisão de seres humanos.

A previsão é que em cinco anos carros como o do Google estejam disponíveis para venda. Enquanto isso, outras empresas investem bastante na área, recentemente a Apple anunciou o desenvolvimento do iCar, a Mercedez está no nível dois com os cupês S-Class e em breve deve começar os testes para o nível três.



Mas a tecnologia não vai só ajudar os carros a andarem sozinhos, outras empresas buscar facilitar a vida do dono, do carro e do mecânico. A Delphi desenvolveu um kit chamado Auto IQ, que quando instalado no carro gera relatórios completos sobre o veículo que são compartilhados com o dono e mecânico do automóvel. Os desenvolvedores afirmam que isso pode impedir acidentes e gastos desnecessários, informando o motorista quando um pneu estiver murcho ou até mesmo quando houver uma falha no motor, freios ou qualquer outra coisa.

À PROCURA DO CARRO IDEAL?
Antes de comprar, informe-se, teste e compare. Receba no seu email as melhores dicas e ofertas imperdíveis para você encontrar o carro dos seus sonhos.

Outro uso interessante para os carros inteligentes é a realidade aumentada. Ter informações como trajeto, clima, alertas e até vídeo chamadas no para-brisa é um conceito que vem sendo desenvolvido e já está até sendo aplicado, como o Cyber Navi da Pionner, que mostra informações como essas num painel transparente que é colocado em cima do console do carro.

Várias coisas ainda precisam ser melhoradas até termos carros no nível quatro, o principal desafio hoje é o alto custo dos sensores que fazem os carros inteligentes andarem. Além disso, os fabricantes ainda precisam melhorar a integração com celulares, precisam desenvolver melhor segurança digital para impedir ciber ataques e os governos precisarão criar ou modificar leis que serão aplicadas a esses veículos.
 

Antes de comprar experimente. Agende um test drive online e gratuito.
 
Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar