Carro batido: dicas de compra, venda e taxas de depreciação

Comprar ou vender um carro batido é possível. Porém, existem algumas dicas e cuidados básicos para não ter prejuízos, principalmente devido ao valor da depreciação, confira.

Carro batido: dicas de compra, venda e taxas de depreciação
Confira quais são os valores médios de depreciação de um carro batido

Na hora de adquirir um produto, independente de qual seja, busca-se sempre pela qualidade e bom preço. O mesmo acontece com os veículos, mesmo quando a preferência de aquisição é por um modelo seminovo. Um carro batido pode ser vantagens se escolhido corretamente, observando sempre alguns detalhes importantes. Confira as nossas dicas.

Taxa de depreciação de um carro batido

Ao comprar um carro novo zero quilômetros você tem que estar ciente que, ao retirá-lo da concessionária ele já sofre com a depreciação, que gira em torno dos 15% a 20%, nos veículos nacionais.

O mesmo ocorre com o carro batido. Além de sofrer uma queda no seu valor de venda, ele também perde se tiver sofrido algum sinistro. De acordo com os especialistas do setor, a taxa chega a ser de 25%. O que pode complicar na hora da venda.

É possível fazer apenas seguro contra roubo de carro?

Como vender um carro batido?

Existem algumas opções, dependendo do estado em que se encontra o veículo. Uma deles é a venda particular, ou seja, diretamente com o comprador. Você estipula o preço, faz o anúncio e aguarda a oportunidade. Também é possível vender a empresas especializadas na compra e venda de veículos, que irá comprar o seu veículo (por um preço determinado por eles) ou então por meio de sistema consignado.

Mas lembre-se, não adianta tentar “mascarar” o carro para uma venda mais alta. Os proprietários de agências possuem acesso ao site do Detran regional e do Sinaliza para consultar o banco de dados do veículo. Informações como utilização de peças originais, situação regular (impostos), se já foi a leilão, sinistro de furto ou acidente grave, se foi acionado pela seguradora e até mesmo se é objeto de disputa judicial.

confira
uma solução de seguro sob medida para você

Para quem quer comprar um carro batido

É preciso estar atento às possibilidades de recuperá-lo. Em alguns casos, o dano aparente pode ser mínimo, sendo que na verdade, a parte elétrica ou motora está danificada. Se você não entende muito a respeito, procure por um profissional ou um amigo que possa ajudar a avaliar a situação do veículo.

A dica para não errar e ter prejuízos é comprar carro batido com pequenos danos e que não seja próximo ao capo do carro (parte elétrica e motora). Tenha atenção ainda aos danos nas portas do veículo. Teste o carro antes de comprá-lo e verifique se as portas fecham corretamente, para que, caso seja preciso deixá-lo na rua, não facilite um arrombamento.

Sites para comprar carros batidos:

Como saber se é um carro batido?

É sempre possível saber o passado de um carro, mesmo se ele tiver passado pelo “martelinho de ouro” após um acidente. E, como o registro no documento do veículo não é obrigatório (lei) e, portanto, pode ser um carro batido sem que haja a informação. Existem alguns itens que podem ser vistoriados:

Pintura: em um local claro (a luz do dia) e com o veículo seco e limpo pode ser possível notar diferenças de cores;

Simetria: verifique se as portas, capô e o teto estão alinhados e com os mesmos espaçamentos entre elas;

Batidas: se você desconfia de algum reparo indevido no veículo, basta pequenas “pancadinhas” ao longo da lataria para verificar se há barulho diferente. Isto indica a aplicação de massa plástica;

Ondulações: percorrer o carro, passando a mão, com toque suave, ajuda a perceber pequenos amassados na lataria;

Documentação: quando o veículo sofre um acidente grave e precisa de reparos na estrutura há o registro no documento, identificado como: Sinistro ou REM (chassi remarcado).

Encontre o seguro auto com melhor custo benefício. Confira!

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Redação E-konomista Redação E-konomista

O E-konomista é um portal on-line que busca fornecer dicas sobre economia em diversos aspectos da vida. Caso queira contactar a nossa redação, envie um e-mail para o info@e-konomista.com.br.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar