O carregador leva bateria do celular de 0 a 50% em cinco minutos

Dez vezes mais rápida que o os modelos atuais, o protótipo de bateria para celulares desenvolvido pela Huawei promete carregamento de 0 a 50% em cinco minutos.

O carregador leva bateria do celular de 0 a 50% em cinco minutos
Ainda em fase de testes, a tecnologia otimiza o carregamento sem comprometer a vida útil

ECONOMIZE NOS SERVIÇOS DA SUA CONTA BANCÁRIA saiba como

Até dez vezes mais rápida que o os modelos atuais, o mais novo protótipo de bateria para celulares desenvolvido pela Huawei promete apresentar carregamento de 0 a 50% em cinco minutos. De acordo com a empresa, mesmo com a forma de carregamento acelerada, este novo acessório não comprometerá a vida útil das baterias, nem a capacidade em armazenar essa energia, mantendo-a com o mesmo desempenho que o de uma bateria convencional. Contudo, os investimentos para otimizar o tempo de carregamento das baterias não são uma exclusividade da empresa chinesa. Outras fabricantes, como a Samsung, LG, Asus e a Motorola também vêm apostando neste mesmo diferencial em seus aparelhos, porém, sem o mesmo desempenho que o apresentado pela Huawei.

Conheça o smatphone que pode ser lavado com água e sabão

Componentes e Desempenho


A bateria é baseada na mesma química íon-lítio usada nas atuais baterias celulares, mas leva vantagem de átomos de grafite ligados ao ânodo. Entre os protótipos foram desenvolvidas duas baterias: uma com capacidade de 3.000 mAh e a segunda, com capacidade de 600 mAh. Nos testes realizados, a primeira saltou de 0 a 48% em cinco minutos enquanto a segunda, por ser de menor amperagem, atingiu 68% de carga em dois minutos.

FIQUE POR DENTRO
Cadastre-se para receber todas as novidades e informações publicadas na página do E-konomista. É gratuito!

Para se ter uma comparação, o Galaxy S6, top de linha da Samsung atinge cerca de 30% de sua carga em 15 minutos ligado ao seu carregador original. Lembrando que o modelo também possui uma tecnologia direcionada para a aceleração do carregamento, sendo sua bateria de 2.550 mAh. Atualmente, além das empresas que já investem neste tipo de otimização, temos várias tecnologias que visam acelerar o carregamento de baterias no mercado.

Um exemplo delas é o Quick Charge, da Qualcomm, que pode dar ao usuário até 8 horas de duração na bateria com uma carga de 5 minutos.

Lançamento

Ainda em fase de testes, a proposta parece bastante promissora e está em vias de começar a ser comercializada, mesmo que sem data divulgada. A demora para o lançamento está no impasse de viabiliza-la para caber em um smartphone pois a bateria ainda precisa ser colocada em um protótipo de carregador um tanto quanto extravagante. Além dos smartphones, a fabricante chinesa deseja também empregar a nova tecnologia na bateria de veículos elétricos.

No entanto, fica a pergunta: o que seria mais vantajoso, acelerar o processo de carregamento ou investir em baterias mais duráveis? Afinal, quem não gostaria de ter novamente o prazer de carregar um celular em intervalos de 2, 3 ou até mais dias, como fazíamos com os aparelhos mais antigos?

Encontre a conta bancária ideal para você. Saiba mais.


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar