Caneta tira risco funciona? Veja quanto custa e onde comprar

A caneta tira risco pode ser apenas uma solução paliativa contra arranhões na lataria, no entanto, não substitui um trabalho profissional. 

 Caneta tira risco funciona? Veja quanto custa e onde comprar
Não substitui um serviço de pintura profissional

A caneta tira risco é um produto que vem sendo decantado como uma solução rápida, barata e instantânea para um problema que pode afligir os motoristas em geral, a presença de riscos na pintura do carro. A principal vantagem da caneta seria representar uma opção muito mais em conta, já que o serviço de pintura ou recuperação de arranhões pode custar até R$ 1 mil, dependendo da profundidade do arranhão.

O fato é que, depois de ser testada por profissionais, o produto não revelou-se eficaz para eliminar arranhões em alguns carros em que foi aplicado.

Como funciona a caneta tira risco

A caneta tira risco é um produto que simula a tinta que recobre um carro ou uma moto. Quando aplicada diretamente sobre a área arranhada, atua como um “apagador”, eliminando o risco na lataria do automóvel, ou pelo menos camuflando-o.

A caneta tira risco está disponível nas seguintes lojas, nos seguintes modelos e preços:

Mercado Livre - Caneta Fix It Pro - R$ 16,90

SeoZé - Caneta Elimina Riscos 120ml - R$ 41,26

Lojas Americanas - Caneta Western - R$ 35,88

Miromi - Caneta tira risco Miromi - R$ 39,90

Antes de comprar, convém assistir no vídeo o antes e o depois da caneta: 

 

Cuidados ao utilizar a caneta

Pela facilidade que promete, a aplicação da tira risco é bastante simples. A maioria dos modelos vem equipada com um pincel parecido com os utilizados com esmalte para unhas.

Definido o arranhão a ser coberto, basta passar o pincel com o produto e aguardar alguns minutos para que se complete a secagem, conforme orientações encontradas no produto.

confira
uma solução de seguro sob medida para você

O corretivo também pode ser aplicado em marcas pontuais, para as quais a aplicação deverá ser feita com uma ponta metalizada. Nesse caso, quem aplicar precisa ter prática, para evitar borrar ao invés de cobrir a área afetada.

Pelo bem da verdade, a caneta não pode ser considerada um substituto à pintura, uma vez que ela, no máximo, promove um disfarce no arranhão, uma camuflagem, que não deixa de se fazer notar. Ou seja, será perceptível a marca, diferenciando-se apenas do arranhão por estar numa tonalidade mais próxima à da pintura do carro.

Caso queira dar um acabamento, o motorista poderá usar uma cera de silicone não abrasiva, para que a tinta aplicada não seja removida.

Encontre o seguro auto com melhor custo benefício. Confira!

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar