Como pedir o cancelamento de passagem aérea

O artigo explica como funciona o sistema de cancelamento de passagem aérea, quais as diferentes políticas das companhias de viagem e como proceder.

Como pedir o cancelamento de passagem aérea
Veja como não sair no prejuízo

Imprevistos acontecem, e em algum momento você poderá fazer o cancelamento de passagem aérea para um voo que já estava marcado.

Apesar das burocracias sempre necessárias em casos assim, de forma geral um cancelamento de passagem aérea é fácil de ser feito e o passageiro não sai no prejuízo. Porém, é importante ficar de olho em algumas dicas que podem deixar o processo mais fácil e com a garantia do reembolso.

Como funciona o cancelamento de passagem aérea

A regra para o cancelamento de passagem aérea garante que o cliente pode cancelar a passagem a qualquer momento depois da compra, porém, respeitando o limite de até 3 horas antes do voo.

Para todo cancelamento de passagem aérea a companhia de viagem tem o dever de pagar o reembolso da passagem ao cliente. Mas ela também tem o direito de cobrar uma multa pelo cancelamento. Os valores cobrados variam muito, tanto de empresa para empresa, quanto pelas características da passagem, o que é chamado de família de tarifa.

Para fazer o cancelamento de passagem, o cliente deve entrar diretamente em contato com a companhia de viagem e pedir a alteração. Algumas empresas acabam sendo mais flexíveis quanto ao cancelamento do que outras.

Abaixo, uma comparação entre as 4 principais companhias de viagem do Brasil:

GANHE
UMA VIAGEM
veja como concorrer

TAM

A TAM não costuma ser muito flexível com os clientes que desejam cancelar ou remarcar a data de uma passagem aérea. As taxas cobradas pela empresa são bem altas. Em alguns casos, a TAM tem uma taxa de R$ 40,00 ou 10% sobre o valor do bilhete. A burocracia de papéis preenchidos e funcionários com quem o cliente deve tratar também é alta. Muitas vezes, o cancelamento só poderá ser feito pessoalmente em uma loja TAM.

GOL

Na GOL as tarifas são mais flexíveis e o máximo de possibilidades são oferecidas para que o passageiro não cancele, mas sim remarque a data da passagem. Um problema é que as passagens que foram compradas com tarifa promocional não são reembolsáveis. O cancelamento de passagem aérea da GOL pode ser feito através do site, pelo telefone ou direto em um posto representante da empresa.

AZUL

A Azul cobra valores muito diferentes de multas e taxas dentro de uma mesma família de tarifação, o que quase sempre causa confusão entre os clientes que precisam cancelar uma passagem da empresa. Como as taxas de remarcação e reembolso são diferentes, o passageiro pode se surpreender com valores não tão baixos. O cancelamento pode ser via telefone ou nas lojas da empresa.

Até que idade as crianças não pagam passagem aérea?

AVIANCA

Todos os bilhetes na Avianca são reembolsáveis, inclusive os de promoções. Mas o custo das tarifas é maior das quatro companhias. Mesmo assim, é uma opção seguro para quem compra esse tipo de passagem e, em outras empresas, pode ficar sem o suporte de cancelamento. É possível fazer o pedido via telefone ou nas lojas da Avianca.

Lembre-se: sempre leia o regulamento antes da compra de uma passagem aérea.

De quanto é o reembolso?

Como explicado, as companhias aéreas têm o direito de cobrar uma multa em cima da tarifa do bilhete cancelado. Mas o restante do valor deve ser repassado como forma de reembolso ao passageiro. Assim, esse valor nunca será 100% o pago pelo cliente.

Esse valor varia bastante. Se o cancelamento for feito até 15 dias antes da data da viagem, as empresas podem cobrar um máximo de 10% do valor do bilhete.

O Código Brasileiro de Aeronáutica (Lei nº 7.565/1986) até já prevê o reembolso integral da tarifa, apenas no caso de o cancelamento da passagem for feito pela empresa e não pelo passageiro.

Passagens promocionais quase nunca têm direito ao reembolso. Nesse caso, o cancelamento da passagem aérea pode resultar na perda total do dinheiro pago pelo cliente.

Fique por dentro de dicas para economizar nas suas viagens nacionais e internacionais.

Veja também: 

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar