O que fazer em caso de bateria viciada

Saiba o que fazer quando em caso de bateria viciada. Os hábitos de uso são o que normalmente causam o problema, saiba como prolongar a vida útil da bateria.

O que fazer em caso de bateria viciada
Veja quais são os hábitos de uso que deixam a bateria viciada

ECONOMIZE NOS SERVIÇOS DA SUA CONTA BANCÁRIA saiba como

Bateria viciada é o termo que se usa para dizer que a bateria já não tem a durabilidade de carga que costumava ter. Quem utiliza o celular com muita frequência é quem mais sofre com esse problema e, por vezes, os nossos hábitos é que fazem com a que a bateria não segure carga por muito tempo.

Os smartphones com tela touch consomem mais bateria do que os outros celulares, principalmente quando fazem reprodução de vídeos. Isso gera um superaquecimento do componente, que é uma das principais causas de bateria viciada.

Melhores celulares do mercado: comparativo de custo-benefício

4 Hábitos que deixam a bateria viciada

  1. Carregar o smartphone no computador;

  2. Deixar o aparelho carregando durante a noite toda. Os smartphones normalmente vêm equipados com baterias de lítio, que não sofrem o efeito da memória, por isso não há necessidade de fazer carregamentos superiores a 7 horas.

  3. Usar o celular enquanto estiver carregando faz aumentar a temperatura do aparelho e, consequentemente, deixa a bateria viciada além de correr o risco de danificar outros componentes.

  4. Deixar o aparelho sob altas temperaturas diminui a vida útil da bateria. É o mesmo que acontece quando a bateria aquece pelo uso constante durante a carga.   

Como ganhar dinheiro com o celular velho

Como reverter a situação da bateria viciada

FIQUE POR DENTRO
Cadastre-se para receber todas as novidades e informações publicadas no site. É gratuito!

É normal as baterias ficarem descalibradas com o tempo. Isso acontece com mais frequência quando é feita alguma atualização do sistema. Além disso, existem outros hábitos que superaquecem o componente, potencializando que isso aconteça. Se for esse o caso, vale a pena fazer um procedimento para reverter a situação da bateria viciada.

Desligue o aparelho e coloque para recarregar. Quanto mais lento, melhor, por isso se possível opte pelo cabo USB

Tire da tomada quando a carga atingir os 100%

Com o celular ainda desligado, aguarde alguns minutos e volte a colocar o aparelho para carregar

Se a mensagem de 100% de bateria não aparecer, significa que a a bateria está descalibrada. Sendo assim, deixe carregar até que atinja novamente os 100%.

O processo deve ser repetido até que apareça os 100% quando retirar da tomada e voltar a colocar.

Dicas que podem fazer a bateria durar mais tempo

  • No caso dos smartphones, que consomem muita carga, vale a pena fazer pelo menos uma carga completa por mês, para evitar o problema da bateria viciada.

  • Desligue o celular quando não tiver sinal, pois o smartphone gasta muito mais energia tentando procurar a rede. Com o aumento do trabalho, aumentatá também a temperatura interna da bateria.

  • As imagens em movimento reduzem o rendimento da bateria para cerca de um terço da sua capacidade. Isso acontece devido ao elevado consumo de energia interno. Para visualizar um vídeo do YouTube, por exemplo, quase todos os recursos do aparelho são utilizados ao mesmo tempo. Por isso, evite o uso excessivo das funções de câmera e vídeo do celular.

Quando vale a pena substituir a bateria

Dependendo da situação compensa mais trocar de celular do que substituir a bateria viciada. Se devido ao aquecimento da bateria, outros componentes – como a placa-mãe do aparelho, por exemplo – foram danificados, vale mais a pena trocar o celular do que comprar vários compontentes novos além da bateria. Mas se o problema for apenas na bateria, vale a pena fazer a substituição.

No caso de aparelhos Android é possível comprar a bateria separadamente para fazer a substituição. Mas no caso da Apple este componente é fixo, o que não permite fazer substituições.

Encontre a conta bancária ideal para você. Saiba mais.


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Poliana Oliveira Poliana Oliveira

Nasceu em Brasília, cresceu em Goiânia e vive há oito anos em Portugal. Formada em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social, em Lisboa. Trabalha na área de Marketing Digital. Adora cães, cinema, dança e viagens.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar