Barulho no freio? Veja quais são os sinais de que você precisa verificar seu carro o quanto antes

Saiba quando o barulho no freio ou outros sinais indicam problemas graves no sistema de freios do seu carro e você precisa correr à oficina mecânica.

Barulho no freio? Veja quais são os sinais de que você precisa verificar seu carro o quanto antes
Barulho no freio e trepidações são sinais de que seu carro precisa de reparos

O sistema de freios do carro merece toda a atenção dos motoristas pois é parte fundamental de seu funcionamento. Qualquer falha ou mau funcionamento desse sistema pode causar acidentes e ter consequências graves a quem está dentro do veículo. Quando os freios precisam ser reparados, o carro dá sinais ao motorista, como barulho no freio ou trepidações, que demonstram que algo está errado. E se algo está errado, ao primeiro sinal é preciso ir ao mecânico, não se pode negligenciar um problema no sistema de freios. 

Dicas e truques fáceis de como cuidar do carro

5 sinais de que os freios do seu carro precisam de reparo

baraulhonofreio


1. Pedal do freio vibrando

Se o pedal do freio do seu carro está vibrando e/ou tremendo é sinal de que os discos de freio estão empenados. Com os discos empenados, as pastilhas de freio não têm aderência contínua com os discos e transmitem as vibrações para o pedal. Provavelmente você terá de trocar os discos e as pastilhas de freio para resolver o problema. Mas atenção: se o seu carro tem freios ABS, é comum que o pedal de freio trepide em freadas bruscas, não é sinal de que está com defeito, é apenas o sistema entrando em funcionamento.

2. Barulhos estridentes

Se toda vez que você pisa no freio do seu carro ele faz um barulho estridente, pode ser um sinal de que suas pastilhas de freio estão no fim e precisam ser trocadas. Se o barulho for de metal contra metal, é um alerta para ir imediatamente para a oficina mecânica, pois o sistema de freios pode falhar a qualquer momento.

3. Volante que puxa para um lado ao frear

Se toda vez que você freia sente o carro puxando para um lado e precisa controlá-lo para que ele não desvie da linha reta, fique alerta, é um sinal de que o sistema de freio não está liberando pressão igual para os dois lados, fazendo com que um lado freie mais forte que o outro. O problema pode estar nas pastilhas, que podem ser irregulares ou estarem mal instaladas em um dos lados, ou pode ser também um problema nas mangueiras do fluido. Seja qual problema for, seu carro precisa visitar o mecânico o quanto antes.

Veja quais são os problemas mais comuns que deixam o carro desalinhado

4. Pedal de freio muito mole

Se o pedal de freio do seu carro começou a ficar muito mole e você precisa pisar lá no fundo para que ele funcione normalmente, é sinal que tem algo errado com seu sistema de freio. Isso costuma ocorrer por diversos motivos:

  • As pastilhas podem estar gastas
  • Problema no sistema hidráulico ( como por exemplo entrou ar nas mangueiras)
  • Fluido de freio com nível muito baixo, o que pode indicar um vazamento

Qualquer que seja a razão, o pedal do freio estar muito mole é perigoso, pois requer que o motorista tenha que pisar mais fundo e o sistema demora mais a ser acionado. É correr para a oficina.

Saiba como melhorar o desemprenho do seu carro

5. Pedal de freio muito duro

Como se pode perceber, o pedal de freio do carro deve estar em perfeito estado, muito mole ou muito duro é sinal de falha no sistema. Se de uns tempos para cá o freio do seu carro se tornou mais sensível e freia forte no menor toque ao pedal, pode indicar umidade no fluído de freio ou disco de freio irregular.Não adie a visita ao mecânico, os discos ou o fluido precisam ser trocados.

 

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar