Banda larga lenta: 8 dicas para resolver o problema

Muita gente reclama que tem banda larga lenta e culpa as operadoras de internet pela velocidade. Mas às vezes, a culpa é do usuário. Veja dicas para torná-la rápida!

Banda larga lenta: 8 dicas para resolver o problema
Saiba quais configurações tornam a sua banda larga lenta

Economize na conta do celular, faça um plano de internet móvel.

 

A qualidade da internet no Brasil ainda é muito criticada pelos seus usuários por oferecer uma banda larga lenta, com falhas na conexão e com preço muito alto. Mas muitas vezes, o problema não está na operadora de internet, e sim no mau uso que fazemos dela. Há algumas dicas que podemos seguir que fazem com que nossa internet não sofra interrupções e funcione com a velocidade contratada.

 

BANDA LARGA MAIS BARATA
Não há nada pior do que pagar caro por um serviço que não funciona bem. Se você não está satisfeito com a banda larga que tem em casa, está na hora de trocar por outra melhor e mais barata. Encontre uma solução sob medida pra você.

Dicas para melhorar a internet

Confira 8 dicas para aumentar a velocidade da sua internet sem que você precise contratar um pacote melhor que, segundo o site especializado em internet Broadbandchoices.co.uk, fazem toda a diferença!

 

1- Cheque a velocidade da internet

O primeiro passo é verificar a velocidade da internet que você está recebendo em seu computador.  Dessa forma, você checa se a sua operadora de internet está te fornecendo a internet que foi contratada. Confira aqui os melhores sites para realizar esses testes de forma confiável e sem interferências.

 

2- Posicione bem o roteador

O uso da internet sem fio (wi-fi) é o mais comum nos dias de hoje. E a conexão sem fio sobre maiores interferências do que quando ligamos o computador diretamente ao roteador com o cabo de rede, por isso pode ser mais lenta. Mas para aproveitarmos o máximo da velocidade utilizando o wi-fi é importante que o seu roteador esteja bem posicionado pois paredes e portas atrapalham a transmissão do sinal de internet. Por isso recomendamos que o seu roteador esteja localizado numa parte central da sua casa (ou mais próxima dos locais onde você mais usa a internet) e de preferência num local alto.

 

3- Coloque senhas complexas

Existem muitas pessoas que não contratam pacotes de internet e mesmo assim utilizam-na o mês inteiro.Como? Roubando o sinal de outras casas que têm senhas simples de ser hackeada. Por isso, vale a pena ter uma senha complexa, com números, letras em maiúsculo e minúsculo e mais longas. Se acha ruim pois tem que ficar dando a senha para as visitas, uma dica é anotá-la e colocar em um lugar fácil, como na geladeira. Sem usuários “parasitas”, sua internet será mais veloz.

 

4- Atualize sempre o seu navegador

Não tenha preguiça de atualizar sempre o seu navegador, pois quando estão desatualizados eles deixam a banda larga lenta. Com a constante atualização de browsers, os desenvolvedores têm incluído cada vez mais mecanismos que deixam a navegação mais rápida, por isso vale a pena deixá-la sempre atualizada.


Saiba como tester sua banda larga.

 

5-  Limpe o histórico e o cachê do navegador

Quando acessamos um site na internet, o nosso navegador armazenas arquivos daquela página para que, quando a acessarmos de novo, ele não precise baixar novamente as informações já acessadas anteriormente.  Isso faz com que a navegação em sites que utilizamos com freqüência se torne mais rápida. No entanto, com o passar do tempo o cachê pode ficar muito grande e deixar o nosso navegador mais lento.  Para deixar sua banda larga lenta mais rápida, recomendamos que você faça uma faxina nos arquivos temporários da internet. Os próprios navegadores têm ferramentas para realizar essa limpeza. E há ainda programas próprios para isso, como o CCLeaner.

 

6- Monitore suas aplicações

Muitos programas fazem atualizações automáticas, e isso é benéfico pois você não tem que ficar buscando as atualizações. O problema é quando você quer baixar um arquivo pesado e acaba “dividindo” sua internet com essas aplicações, fazendo atualização quando você precisa da maior capacidade da sua banda larga. Os programas que mais fazem isso são o Adobe Reader e o Windows Update da Microsoft. Por isso, quando precisar baixar algo mais pesado, desative essas atualizações, e busque fazê-las somente em um horário com menor tráfego na internet.


Leia também: Os sites preferidos das mulheres.

 

7- Evite horários de pico

Assim como quase todo tipo de serviço, a internet também tem horário de pico, ou seja, aquele horário em que mais gente conecta gerando um tráfego maior de informações e congestionando a rede. Os horários de pico da internet são durante o horário comercial, após as 18h inicia-se o chamado de horário de internet residencial. Nesse horário há uma diminuição considerável do tráfego e sua banda larga lenta pode tornar-se bem mais rápida.

 

8- Desabilite software P2P

Os programas compartilhadores P2P (peer-to-peer) são aqueles de transmissão de arquivos entre usuários. Os mais comuns são o Ares, Torrent, eMule e muitos outros. Quando ativos, eles fazem download e upload automáticos de arquivos para o seu computador e para outros usuários. Para aumentar a velocidade da sua internet é bom conferir se esses programas estão ligados pois eles consomem muito da sua banda larga.

 

Se mesmo seguindo todos esses pontos, você ainda achar que a sua internet está lenta para o uso que você precisa fazer, é hora de ligar para a sua operadora e contratar um pacote melhor de conexão. 

 

Quer fazer um test drive gratuito e sem complicações? Agende já!


Leia também:

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar