9 atitudes para não ter na academia

Muitas pessoas, mesmo objetivo: saúde e boa forma. Porém, algumas atitudes por lá podem acabar esgotando nosso tempo e paciência. Veja quais são elas.

9 atitudes para não ter na academia
Algumas regras de bom senso também se aplicam ao ambiente fitness

GANHE UM INCENTIVO EXTRA PARA ficar mais bonitasaiba como






 

Academia, um ambiente com muitas pessoas diferentes, porém, todas com o mesmo objetivo: saúde e boa forma. O que pode dificultar um pouco esse prazer em realizar nossa atividade diária são algumas atitudes que nossos colegas de treino têm, acabando por tomar nosso tempo e esgotar a paciência. Vamos conhecer alguns dos tipos mais comuns que temos que lidar:
 

LEVE A VIDA DE FORMA SAUDÁVEL
Saiba como emagrecer de forma saudável e sem gastar uma fortuna.

Não seja o chato da academia

Isto serve tanto para homens e para mulheres que não usam do bom senso, até mesmo na hora de praticar exercícios na academia. Algumas situações são meramente engraçadas, outras com certeza já te irritaram em algum momento. Se você frequenta a academia, já deparou com algumas dessas pessoas. Aproveite e assista ao vídeo e faça uma reflexão sobre as suas atitudes na hora de exercitar:

1. Luz na Passarela

atitudesacademia


Abrindo a lista, as moçoilas que gastam horas se produzindo para ir na academia. Vestindo conjuntos neon que só faltam brilhar no escuro, as “marombas” também tem o cuidado de se maquiar com tudo o que há direito e deixar as madeixas impecáveis antes de pisar na academia. Como se estivessem na balada, dão uma desfilada, se exibem em 2 ou 3 aparelhos, tiram algumas fotos e vão embora...sem UMA gota de suor.

2. Casa da Mãe Joana

Não existe academia sem esse clássico tipo. Tem a mentalidade de achar que o instrutor sempre tem o dever de arrumar a bagunça de halteres e anilhas que deixa pelo caminho. “Mas eu te pago pra isso” é uma frase típica que muitos deles soltam para justificar o ato. Usou? Guarde! Não faz nada além de sua obrigação.

3. Conversa Paralela

Normalmente empatando o uso dos aparelhos, está aquele grupinho papeando como se não houvesse ninguém ao redor. Há os que inclusive também deitam suas garrafinhas e toalhas num banco próximo enquanto terminam a prosa. E não perca a calma, porque provavelmente eles vão fazer cara feia se você pedir licença para usar o aparelho que estão ocupando.

4. #NoPainNoGain

atitudesacademia


Assim como tem quem vá para a academia passear, tem os que não soltam o celular e tiram milhões de selfies e fotos no espelho. Normalmente atrapalhando quem quer usar os espelhos para executar um exercício, eles treinam diversas poses até achar o melhor ângulo para parecerem mais fortes e/ou mais magros.

6. Esforço exagerado

Progredir na carga é sempre bom sinal, desde que isso não prejudique a execução do movimento, muito menos a saúde. Levantar mais peso do que consegue e aos gritos não vai te fazer mais forte ou melhor por isso. Normalmente essas pessoas também monopolizam o instrutor da academia, pedindo para que ele dê “uma forcinha” em todas as séries.

7. Preguiça?

Tipo muito similar ao que não guarda os halteres e anilhas, temos o sujeito que coloca carga máxima em aparelhos como o leg press e deixa tudo como está ao terminar. Mas o que isso tem de errado? Oras, já parou para pensar que mulheres, idosos ou qualquer outra pessoa que não levante o mesmo peso que você vai usar este aparelho depois? E não, essa não é a obrigação do instrutor, capiche?

5. Toalhinha

atitudesacademia


Ok, legal que você está se esforçando bastante pelo seu objetivo mas, uma toalhinha para cobrir o encosto ou ao menos o cuidado de limpar a molhadeira depois de usar o aparelho é bom, não? Porque uma coisa bastante desagradável é ter que lidar com a surpresa do suor alheio ao encostar em algo.

8. Carente de atenção

A existência desse tipo também é um dos motivos de muitas pessoas irem treinar com fones de ouvido (e ainda assim às vezes não são poupadas). Distrair pessoas no meio de uma série, puxar papo, perguntar sobre treinos e dietas durante um exercício e ficar empacado no caminho aguardando a hora para conversar são as atividades prediletas deste frequentador de academia. Que tal esperar o treino acabar e conversar em outro horário?

9. Pode revezar?

“Claro! Vai lá”. É o que a maioria diz. O que não se espera é que a pessoa queira mudar completamente o peso, a barra, o banco e ainda responder uma mensagem no WhatsApp antes de começar.
Nesses casos, se o exercício que precisa fazer está ocupado por alguém fazendo algo completamente diferente ou se já existem 2 pessoas revezando, pule para o próximo ou pergunte (não no meio de uma série) se ainda falta muito e veja se convém esperar.



A boa convivência no ambiente de uma academia só depende de cada um de nós. Cada um respeitando o seu espaço e o do próximo. Regras básicas que nos foram ensinadas desde bebês, portanto, não é possível que alguém não assimilou isso. Usou? Guarde! Sujou? Limpe! Não ajuda? Então não atrapalha! Tendo isso em mente e uma dose de bom senso, o tempo gasto na academia será com certeza muito mais proveitoso e com resultados positivos. Então boa sorte e bom treino!

Fique em forma e com saúde como você sempre quis. Veja como é fácil..


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar