Vale a pena ter um rastreador veicular?

O rastreador veicular tem alto índice de recuperação de veículos, oferece maior proteção ao motorista e á sua família e ainda pode deixar o seguro do veículo mais barato. Veja porque vale a pena ter um rastreador veicular.
 

Vale a pena ter um rastreador veicular?
Confira as desvantagens e vantagens

O rastreador veicular é um sistema que está se tornando cada vez mais popular e acessível, sobretudo com as versões do equipamento sem mensalidade. Mas, afinal, vale a pena ter um rastreador veicular? 

Vantagens do rastreador veicular

O rastreador veicular e bloqueador, mesmo com a assistência de uma empresa, tem como finalidade, entre outras, localizar o seu veículo em caso de roubo ou furto, bloquear o seu funcionamento e recuperá-lo. Mas se por um acaso o veículo não for recuperado, a empresa de rastreamento não reembolsa o valor do veículo. No entanto, a taxa de recuperação de veículos roubados ou furtados chega a quase 98%. 

Mais do que prometer a recuperação do veículo rastreado, o rastreador veicular também é um sistema de proteção para o motorista e para a família, principalmente se for um sistema assistido por uma empresa, no caso, os rastreadores com mensalidade. 

As empresas de rastreamento estão preparadas 24h por dia para atender chamadas de emergência e sinal de pânico, entrando em contato com a polícia e agilizando todo o processo de recuperação do veículo, mas também garantindo o máximo possível de segurança ao motorista, em caso de sequestro.

Seguro ou rastreador veicular, o que é melhor?

Em primeiro lugar, é preciso deixar claro que o rastreador veicular não substitui o seguro de veículos. Os dois são serviços que se complementam. Em todo caso, vale a pena ter um rastreador veicular, mesmo sem seguro.

Com o elevado índice de recuperação de veículos dos sistemas de rastreamento com mensalidade, muitas seguradoras de veículos oferecem descontos e preços mais baratos para os clientes que possuem rastreador veicular.

O ideal é tentar combinar os dois serviços para economizar. Tendo em vista que um seguro total de veículos é muito caro, uma solução seria, por exemplo, contratar um seguro de veículos que cubra colisões, acidentes, incêndios, panes e etc, mas que não cubra roubos e furtos, complementando com um rastreador veicular.

A soma dos dois, mesmo pagando a mensalidade para a empresa de rastreamento, pode sair mais barata do que um seguro total do veículo. Para se ter uma ideia, a maioria dos rastreadores já são vendidos sem mensalidade, sendo necessário apenas pagar pelo aparelho. Você ainda pode optar por contratar seguros de carro que incluam o rastreamento e a assistência, com custo mensal a partir de R$ 80.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Redação E-konomista Redação E-konomista

O E-konomista é um portal on-line que busca fornecer dicas sobre economia em diversos aspectos da vida. Caso queira contactar a nossa redação, envie um e-mail para o info@e-konomista.com.br.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar