Qual é a melhor forma de comprar carro zero?

Veja qual a melhor forma de comprar carro zero, comparando os custos totais envolvidos na compra financiada ou no consórcio, mais as despesas com manutenção e seguro.

Qual é a melhor forma de comprar carro zero?
Fizemos os cálculos para ver a diferença entre financiamento e consórcio

Comprar carro zero quilômetro é o sonho de consumo da maior parte dos brasileiros. Não é chutômetro, é resultado de uma pesquisa feita por ninguém menos que o SPC, o Serviço de Proteção ao Crédito. Em 2015, a entidade apurou que ter um carro é o terceiro maior sonho de consumo dos entrevistados, atrás apenas da casa própria e de uma viagem para o exterior.

Comprar um carro zero por financiamento ou consórcio?

Existem basicamente duas maneiras de se comprar um carro zero a prazo: o financiamento de veículos ou o consórcio. Num comparativo entre estas duas diferentes formas de crédito, vamos usar como referência o Chevrolet Onix versão LT SPE 1.0, ano 2017, com valor à vista de R$ 43.990,00 de acordo com a tabela FIPE.

Para chegar à melhor opção para comprar carro zero, calculamos o valor integral do Onix em 60 meses para financiamento e consórcio. Os valores serão uma estimativa, já que as taxas e os juros incidentes sobre o valor das parcelas variam de uma financeira para outra. Para não ter erro, o ideal é consultar os valores de juros de financiamento dos bancos atualizados no site do Banco Central.

Veja como comprar carro zero sem entrada


Cálculo de financiamento

  • Valor à vista: R$43.990,00
  • Entrada/prazo: 60 meses sem entrada
  • Taxa de juros: 1,5% ao mês

Sobre juros incidem encargos, já considerados no percentual estipulado, que variam entre as instituições financeiras.

  • Valor mensal da prestação: R$ 1.117,00
  • Valor final do carro: R$ 67.020,00


Cálculo de consórcio

  • Valor à vista: R$ 43.990,00
  • Entrada/prazo: 60 meses sem entrada
  • Taxa de administração + fundo de reserva: 13,5%

O percentual é aplicado ao período total. O valor da taxa de administração e fundo de reserva variam de acordo com a administradora.

  • Valor mensal da prestação: R$ 832,15
  • Valor final do carro: R$ 49.929


O custo para manter um carro

Não é apenas na hora da compra que se gasta com um carro. Antes mesmo de comprar um veículo, seja novo ou usado, é muito importante fazer o cálculo de quanto se deverá gastar por mês. Continuamos simulando as despesas envolvidas na compra e na manutenção do nosso novo Chevrolet Onix. Os valores são estimados, já que os custos envolvidos podem variar de acordo com uma série de fatores como região, depreciação sofrida, insumos e outros.

Relembrando: o valor do nosso carro é R$ 43.990,00

  • Seguro: R$ 1.600 em média por ano. O seguro custa, normalmente, 5% do valor do carro;
  • IPVA: R$1.823 por ano. O IPVA custa 4% do valor do carro;
  • DPVAT: R$ 63,69 por ano. Seguro obrigatório calculado de acordo com a categoria do veículo;
  • Combustível: R$ 237,36 (cálculo de 600 km por mês, considerando o consumo de etanol na cidade que é de 9,1 km/litro a um preço médio de R$ 3,90 por litro);
  • Manutenção: zero, considerando ser um carro novo. No entanto, se forem percorridos 10 mil km antes de um ano, pesa o custo da revisão, que é de R$ 220,00 de acordo com a tabela da GM.

Total: R$ 527,90 em custos mensais.
Comprar carro zero realmente compensa? Confira
 

Despesas mensais totais em cada modalidade de compra

  • Despesa mensal para comprar carro zero financiado: R$ 1.644,90,00 (custos mensais de R$ 527,90 + parcela do financiamento de R$ 1.117,00). Se for feita revisão de 10 mil km, o valor sobe para R$ 1.864,90;
  • Despesa mensal para comprar carro zero consorciado: R$1.360,05 (custos mensais de R$ 527,90 + parcela do consórcio de R$ 832,15). Se for feita revisão de 10 mil km, o valor sobe para R$ 1.580,05

 

Conclusões

A economia representada pelo consórcio em comparação com o financiamento é de vultosos R$ 17.091, que, se economizados, poderiam até mesmo compor uma boa entrada no nosso Chevrolet Onix zero quilômetro. A única vantagem que o financiamento oferece é, de fato, a rapidez, já que o veículo é entregue no ato da compra.

Para quem tem possibilidade de fazer uma reserva, o recomendável é fazer um consórcio ou juntar dinheiro para dar uma boa entrada no financiamento, reduzindo assim o valor final das taxas de juros.

Gostou? Compartilhe!
Na Web:

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar