Como entrar num consórcio de motos?

As principais formas de entrar num consórcio de motos é comprando um cota de um grupo de consórcio ainda em formação, uma cota em um grupo em andamento, ou uma cota já contemplada. Entenda como.

 

 

Como entrar num consórcio de motos?
Saiba quais são as principais formas de entrar num consórcio de motos
  • Saiba como entrar num consórcio de motos e aproveitar os benefícios desta modalidade de crédito.

Com a retração de crédito e as altas taxas de financiamento, os participantes de consórcios vêm aumentando a cada dia. Só no mês de setembro, o número de consorciados cresceu 10,5%, de acordo com a ABAC.

 

Hoje, o setor já contabiliza cerca de 5,6 milhões de participantes, o que faz com que o número mensal de contemplações também aumente. No primeiro semestre do ano, as contemplações tiveram uma alta de 1,5%.

 

Faça uma simulação e encontre uma solução inteligente para consórcio de motos.

 

A modalidade de consórcio que mais cresce é a de veículos leves, incluindo o consórcio de motos. O fato é que diante do atual cenário, as pessoas estão mais inclinadas a fugir do imediatismo e dos juros altos do financiamento de veículos e fazer compras programadas, como acontece no consórcio de veículos em geral.

 

No caso do consórcio de motos, isto fica ainda mais evidente. Por serem bens de valores mais baixos, é possível entrar num consórcio com um prazo mais curto e ser contemplado logo, pagando parcelas bem mais baixas do que se pagaria num consórcio.

 

SAIBA COMO ENTRAR NUM CONSÓRCIO DE MOTOS

Há algumas maneiras diferentes de entrar num consórcio de motos, a primeira delas seria comprando uma cota num grupo em formação. Assim, você particpa do grupo pagando as parcelas desde o início e, como em todo consórcio, pode ser contemplado por sorteio ou dando um lance.

 

A outra forma de entrar num consórcio de motos, seria adquirindo uma cota de um grupo em andamento. Neste caso, você poderia comprar a cota de um consorciado que tenha desistido de participar do grupo, ou comprar uma cota vaga diretamente da administradora. Comprando de um consorciado, você precisaria pagar um ágio, ou seja, o equivalente ao valor já pago pela cota, e assumiria as restantes parcelas. Comprando a cota diretamente da administradora, você pode optar por pagar parcelas mais altas. 

 

Uma terceira alternativa seria entrar num consórcio de motos, comprando uma cota contemplada. Ou seja, você pagaria o valor pago até então ao atual dono da cota contemplada, assumiria o restante das parcelas, mas já receberia a carta de crédito para comprar a moto. Mas atenção, nestes casos, é comum que o vendedor da cota acabe cobrando um valor a mais pelo fato da cota já ter sido contemplada.

 

Vale a pena comprar um consórcio contemplado?

 

Em qualquer dos casos, é importante estar muito atento a todas as cláusulas e condições do contrato, e fazer todo o procedimento de forma legal e formal, certificando-se da situação da administradora junto à ABAC e ao Banco Central do Brasil.

 

Leia também » Posso vender o meu consórcio de motos? 

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar