Como comprar um carro e fazer um bom negócio

Você vai comprar um carro, mas não sabe que parâmetros usar para escolher o carro certo para você? Saiba como comprar um carro e fazer um bom negócio.

Como comprar um carro e fazer um bom negócio
Na hora de comprar um carro, a primeira dica é deixar as emoções de lado.

Quem decidiu adquirir um veículo, precisa também pesquisar para saber como comprar um carro e fazer um bom negócio, a curto, médio e longo prazo. Apesar da emoção do momento, comprar um carro é um compromisso financeiro sério que exige decisões racionais.

Além de escolher o modelo do carro, o ano, os itens, se é usado ou novo, etc., é preciso saber como você irá pagar. Aliás, a não ser que você não tenha nenhum tipo de constrangimento financeiro, esta deve ser a primeira decisão a tomar, pois pode influenciar todas as outras.

Como comprar um carro: por onde começar

Comprar um carro, às vezes, pode ser como um mau casamento. Podemos nos apaixonar à primeira vista pelo design e só depois, com a convivência diária, é que descobrimos que o carro não era bem aquilo que pensávamos. Se você quer ter um final feliz, não deve agir por impulso. Deixe as emoções de lado para fazer um bom negócio, comece a se perguntar:

1. Eu preciso mesmo de um carro?

Hoje em dia, o carro é quase um bem de primeira necessidade nas grandes cidades do Brasil. Se o transporte público na sua cidade é ruim, se você não consegue ir a pé para o trabalho porque é muito longe, se bicicleta ou moto estão fora de questão, então você precisa de um carro. Pense no tempo e na qualidade de vida que pode ganhar com o seu carro.

O que pesquisar antes de comprar um carro

2. Qual o meu perfil?

Para escolher que carro comprar, há uma série de fatores que devem ser analisados, como por exemplo: qual o seu perfil, que tipo de condutor você é, que tipo de carro precisa, que estilo de vida leva, quanto dispõe em dinheiro e qual a sua condição financeira, que custos envolvem a compra e manutenção de um carro, e quais as despesas que terá com o carro.

3. Como pagar pelo meu carro?

Antes de tudo, avalie as suas condições financeiras. Saiba exatamente de quanto dispõe para comprar o carro. Se não tem todo o dinheiro necessário para comprar o seu carro, o mercado hoje oferece diferentes alternativas e facilidades para financiar, fazer um leasing, ou um consórcio de veículos.

Ponha as contas no papel e descubra quanto pode pagar por mês – já considerando as outras despesas que terá. Informe-se sobre os diferentes sistemas de compra e defina o que lhe parece mais vantajoso. Compare, de modo racional, diferentes marcas e modelos de carro, e só então deixe o coração falar.

4. Onde, como e para quê vou usar o meu carro?

Se você vive numa grande cidade e raramente se aventura em estradas de terra e não pensa em participar de um rally, certamente não vai precisar de tração nas quatro rodas. Pense no seu dia a dia e no uso que irá fazer do seu carro.

Considere os quilômetros que percorre por dia, a qualidade do asfalto na sua cidade, o trânsito e o perfil dos motoristas, se a cidade é cheia de altos e baixos, se é complicado conseguir vagas para estacionar, etc. Isso pode lhe fazer optar por um carro menor ou maior, com mais ou menos potência, mais ou menos econômico…

5. Qual o tamanho ideal que um carro deve ter para mim?

Esta é uma questão importante na hora de comprar um carro. Basta pensar que um automóvel para uma família que tem três crianças e um cachorro deve ser maior e ter acessórios específicos, do que um carro para uma pessoa que não leva ninguém como carona na maior parte do tempo. Neste caso, considere o espaço interno do veículo.

Veja os carros que você nunca deve comprar

6. Que tipo de carro preciso?

Analise a relação custo-benefício antes de decidir por um motor 2.0, por exemplo. Pense se você realmente precisa de tanta potência. Se você costuma pegar a estrada, pondere que é provável que um carro 1.0 lhe deixe na mão na hora da ultrapassagem e das subidas.

Além disso, no geral, os carros 1.0 não costumam ter um desempenho de velocidade admirável e nem grande poder de arranque. No entanto, é um motor que no dia a dia da cidade se comporta muito bem no trânsito, além de ser econômico. Ponha na conta também o fato do carro mais potente ser também mais caro.

7. Quanto posso gastar com um carro?

Lembre-se que comprar um carro é um compromisso sério. Não é apenas sair da concessionária com a sua chave na mão.

Manter um carro tem um peso considerável no orçamento. As despesas gerais deste relacionamento a curto, médio e longo prazo são: emplacamento do veículo (caso seja um 0 Km), seguro DPVAT e IPVA anual, seguro do automóvel anual, combustível, estacionamento, manutenção, troca de óleo e pneus, depreciação do veículo, e parcelas de financiamento ou consórcio, caso não pague à vista. P

ara cada modelo e ano de carro, estes valores irão variar. O melhor é fazer uma tabela com as estimativas de preços e analisar qual é a melhor alternativa, de acordo com a sua situação financeira.

8. Onde e como comprar o meu carro?

Após pôr tudo na ponta do lápis, escolher a marca, o modelo, o sistema de compra, faça ainda uma pesquisa de mercado para encontrar a oferta mais adequada para você.

Diferentes revendedoras do mesmo fabricante, podem ter ofertas distintas. Além disso, é preciso encontrar as melhores opções de crédito, caso precise de algum tipo de auxílio financeiro para comprar um carro. O melhor é fazer simulação de financiamento ver quais ofertas melhor se encaixam nas suas condições.

O que você precisa saber antes de comprar um carro

Gostou? Compartilhe!
Redação E-konomista Redação E-konomista

O E-konomista é um portal on-line que busca fornecer dicas sobre economia em diversos aspectos da vida. Caso queira contactar a nossa redação, envie um e-mail para o [email protected]

Na Web:

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por hintigo.com.br e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

Enviar