Quer comprar um carro sem entrada?

Receba cotações de crédito para comprar o seu carro

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Seguinte

Como fazer um cancelamento de consórcio?

De acordo com a Lei 11.795, é possível fazer um cancelamento de consórcio, a qualquer momento e sem justificativa. Entenda melhor.

Saiba como fazer um cancelamento de consórcio

É possível, a qualquer momento, fazer um cancelamento de consórcio. De acordo com a nova Lei de consórcio número 11.795, de fevereiro de 2009, o consorciado tem o direito de cancelar o consórcio sem precisar justificar. 

Quer comprar um carro?
Faça já uma simulação de consórcio e veja qual é a melhor solução para você.

 

Cancelamento de consórcio: o que fazer

O consorciado tem o direito de rescindir o contrato até sete dias após a sua assinatura, sem qualquer ônus. Caso já tenha pago alguma taxa, o valor deve ser restituído integralmente no prazo máximo de 60 dias.

 

Mas se já estiver com o consórcio em andamento, também é possível cancelar. Para cancelar o consórcio de carro, é preciso entrar em contato com a sua administradora, pessoalmente, através da internet ou telefone, de acordo com os meios disponibilizados, solicitando o cancelamento formal da sua participação no grupo de consórcio. 

 

Este procedimento é muito importante, pois se não informar a administradora que pretende cancelar o consórcio e simplesmente parar de pagar as parcelas, a administradora irá apenas lhe considerar inadimplente, e você ainda terá que pagar multas, além de perder os direitos de decisão no grupo de consórcio e não poder participar dos sorteios até regularizar a sua situação.

 

Após o cancelamento do consórcio, quando sou reembolsado?

Após cancelar o seu consórcio de carro, o ex-consorciado não recebe imediatamente os valores já pagos. Ele continua participando dos sorteios. Quando for sorteado, então o valor pago pelas parcelas é restituído, mas possivelmente não será devolvido em sua totalidade. Os valores referentes à taxa de administração e ao fundo de reserva nem sempre são devolvidos, mas estas condições podem variar de acordo com as cláusulas do contrato e com a seguradora. 

 

Caso não seja sorteado, o ex-consorciado recebe a restituição quando o grupo de consórcio se encerrar, ou seja, quando todos os participantes ativos forem contemplados.

 

Leia também »

Gostou? Compartilhe!
Carolina Benevides Carolina Benevides

Jornalista brasileira, Carolina Santarosa é formada pela Universidade de Fortaleza desde 2011. Atualmente cursa o 2º ano do Mestrado em Ciências da Comunicação na Universidade do Porto. A profissional já trabalhou no marketing da Red Bull, foi Assessora de Comunicação da Secretaria Municipal de Educação de Fortaleza e do North Shopping Fortaleza. Fez intercâmbio acadêmico nos Estados Unidos e atualmente mora no Porto (Portugal).